Sabemos como é difícil desapegar dos momentos que nos fizeram bem. Às vezes ficar vivendo em base de alguma memória é a pior forma de seguir em frente. Esquece esse filme, e deixa outro começar. Pode ser bem melhor.

Namoro, casamento, ficante, amiga, amigo ou qualquer relação que começou e por algum motivo chegou ao fim são momentos dos quais às vezes não queremos esquecer. Mas como tudo na vida tem começo meio e fim, nem tudo fica pra sempre na sua vida.

Um namoro de dois anos, dois meses três semanas, seja qual for o tempo ele foi intenso e deixou marcas das quais você não quer desapegar. As marcas que fazem você acreditar que essa pessoa foi feita pra você e nada ou ninguém vai fazer com que isso seja diferente. Você prefere acreditar que não acabou, que na verdade é só um tempo que o destino impôs na vida de vocês, para que assim um dia vocês voltassem e vivessem todos os belos momentos novamente e por um longo prazo. Sem fim dessa vez, né?

01 (690).gif

Na teoria, tudo funciona muito bem. Mas, na prática, o que acontece é bem diferente. Claro que desapegar ao que te fez tão feliz não é fácil. É como a infância, às vezes desejamos voltar a ser criança, pelo prazer e pela facilidade que fazíamos as coisas. Mas essa vontade passa. Por que ser adulto é melhor, é desafiador e o prazer nas coisas é bem mais intenso. Por quê com memórias não pode ser assim?  A vontade de viver aquele momento novamente vir, mas passar com a mesma facilidade que foi embora.

Veja bem, eu tenho pessoas na minha vida com quem eu tive momentos maravilhosos, e que cada vez que eu encontro essas pessoas outras histórias surgem e novas memórias ficam guardadas na minha cabeça. Por quê? Porque essas pessoas estão na minha vida, fazem questão de estar e então todo momento se torna precioso. Eu não preciso viver no passado pra me sentir perto delas.

12.gif

Acredito que só seguimos em frente quando acreditamos que momentos passam e outros melhores vão vir. Vão vir mais risadas, mais choros, mais tombos sempre vão vir e novas histórias vão começar. Vão aparecer pessoas novas, umas melhores e outras piores. E assim você vai desapegar. Mas primeiro precisa entender que aquilo que foi embora não era pra ser seu. E que viver de pensamentos passados e quase esquecidos não vai te fazer uma pessoa feliz.

Esquece a cena daquele beijo que você já nem lembra o gosto. Esquece a risada que você nem lembra mais o tom. Esquece o perfume que você já nem lembra o cheiro.  Esquece tudo. Deixa o novo entrar. Deixa outras sensações vir, assim você vai entender como essa memória te faz mal. E que esse filme não foi escrito pra você, ele é fracasso de bilheteria.

Advertisements